Pesquisar

ALANAC - Notícias do Setor

Comissão debate prescrição excessiva de anticoncepcionais orais

09 de Junho de 2015

A Comissão de Seguridade Social e Família promove audiência pública nesta tarde sobre os efeitos decorrentes do uso de anticoncepcionais hormonais e a falta de critério em sua prescrição.
 
“Vítimas de anticoncepcionais hormonais estão se mobilizando em busca de medidas protetivas às mulheres, tanto para esclarecimentos sobre as reações adversas quanto para o estabelecimento de critérios mais rigorosos para a sua prescrição”, afirmam as deputadas que pediram a realização da audiência, encabeçadas por Geovania de Sá (PSDB-SC).
 
“Por meio de medidas preventivas, muitas vezes simples, pode se evitar o acometimento de casos como trombofilia, embolia pulmonar, tromboembolismo cerebral, que podem evoluir para quadros e sequelas mais graves, como cegueira, paralisias, tetraplegia, amputação de membros e até a morte”, afirma a deputada.
 
Foram convidados a participar da audiência:
- a coordenadora geral de Saúde das Mulheres do Ministério da Saúde, Maria Esther de Albuquerque Vilela;
- o superintendente substituto de Fiscalização, Controle e Monitoramento da Anvisa, Daniel Roberto Coradi de Freitas;
- a representante do Conselho Federal de Medicina, Adriana Scavuzzi Carneiro da Cunha; e
- a representante do Coletivo "Vítimas de Anticoncepcionais - Unidas a Favor da Vida", Carla Simone Castro da Silva.
 
A audiência será realizada no plenário 07, a partir das 14h30.
 
Fonte:  Câmara dos Deputados


Associados